livro

Resenha: Simplesmente o Paraíso – Julia Quinn

 

18360582_10212702986795028_1515331077_n

Título: Simplesmente o Paraíso

Ano: 2017

Editora: Arqueiro

Autor: Julia Quinn

Número de Páginas: 272

O primeiro livro do Quarteto Smythe-Smith é recheado de humor, música e romance.
Simplesmente o Paraíso é um livro para descontrair, Julia Quinn nos envolve com sua escrita leve nos fazendo viver as cenas descritas e seus personagens cativantes.

A família Smythe-Smith possui a tradição de realizar um recital anualmente. O Quarteto Smythe-Smith é composto pelas mulheres da família que ainda não se casaram. Nenhuma delas possuem talento musical,  gerando nelas um duplo motivo para casar: casar antes de envelhecerem e para sair do quarteto.
Honória, mesmo sabendo que não é talentosa, leva o quarteto à sério, por conta da tradição familiar e isso é bem reforçado, destacando o amor pela família da personagem.

Marcus é filho único de um conde, que após a morte de sua esposa não se casou novamente. Marcus cresceu sozinho, foi educado dentro de casa, até chegar a idade de ir para uma escola integral, retornando para casa apenas em feriados grandes. Nessa nova escola ele conhece Daniel, irmão de Honória, que também é filho de um conde e se tornam grandes amigos. Eles crescem como irmãos e as irmãs de Daniel consideram Marcus da mesma forma.

A construção da história dos protagonistas é muito natural, pois se conhecem desde a infância dando um crédito para Honória, por ser a única mulher que consegue travar um diálogo com o Conde Marcus que possui uma fama de frio e indiferente, mas trata com bom humor e carinho aqueles com quem tem intimidade. A amizade entre eles cresce após uma surpresa da vida que acaba os aproximando cada vez mais.

A autora nos convida a ver o amor entre eles surgir de maneira tão pura. Para mim, foi uma história que me prendeu desde o início e a cada capítulo a curiosidade aumentava para saber o que aconteceria, mesmo supondo qual caminho alguns fatos tomariam, a curiosidade era tamanha, e me peguei diversas vezes surpresa com algumas atitudes dos protagonistas imaginando como terminaria aquela história.

Os livros de Julia Quinn, são bem leves, apesar de parecerem histórias românticas melosas, nesse livro o personagem Marcus me pareceu muito mais real do que os mocinhos da série Os Bridgertons, que por vezes me deixavam “deprimida” e questionando em qual lugar do mundo existe um homem daqueles?!

Já estou lendo o segundo livro e estou devorando-o! Logo, logo terá resenha dos próximos livros! Fiquem ligados! 😉

Thaisa Napolitano

Anúncios

7 thoughts on “Resenha: Simplesmente o Paraíso – Julia Quinn”

  1. Oi Thaisa, li A Soma de Todos o Beijos e amei!! Coitadas das jovens, desafinadas do rítmo, obrigadas a fazerem parte daquele horrível recital anual, kkkk. Lindo o amor de Honória e Marcus, romance mega bem construído. Muitíssimo obrigada pela dica, devorarei os três próximos do quarteto. Bjs

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s