livro

Resenha: O Sol Também é Uma Estrela – Nicola Yoon

19046756_10213004273967019_155009259_n

Título: O Sol Também é Uma Estrela

Ano: 2017

Editora: Arqueiro

Autor: Nicola Yoon

Número de Páginas: 288

 

O Sol Também é Uma Estrela é o segundo livro de Nicola Yoon. Este livro conta a história de dois jovens que se encontram na rua, Daniel e Natasha.

Natasha Kingsley é uma garota pé no chão, acredita na ciência, não acreditando em destino ou sorte. Nascida na Jamaica, Natasha foi morar nos Estados Unidos com 8 anos de idade, usando visto de turismo. Quando o visto expirou ela e sua família não foram embora, se tornando assim imigrantes ilegais.

Daniel Bae é americano e filho de coreanos. Ao contrário de Natasha, acredita no amor, no destino e em Deus. Seu maior sonho é ser poeta, mas seus pais desejam que ele curse a faculdade de medicina em Yale, para que ele tenha uma vida confortável e melhor da que tiveram.

Natasha estudou, criou amizades, cresceu e tenta escolher para qual faculdade ir. Por conta de um deslize de seu pai, ela e sua família será deportada e seus planos futuros são arruinados, e culpa seu pai por toda essa situação, achando injusto a família pagar pelos erros dele.

Daniel vê Natasha na rua e ela lhe chama bastante atenção e a segue. Quando finalmente há um momento propício, Daniel fala com ela e assim o dia junto a ela começa. Quando descobre que Natasha não acredita em amor à primeira vista e nem em destino e que tudo para ela é ciência, Daniel propõe fazer um experimento, que segundo a ciência, os fariam se apaixonar perdidamente.

Beijar é apenas outro modo de falar…

19021302_10213004299567659_1515101251_n

O livro narra uma história que acontece em apenas um dia. Com capítulos curtos a autora dá voz para personagens secundários, nos deixando a par de cada um que cruza com os protagonistas. Há capítulos em que fala sobre a imigração coreana, a evolução dos olhos, o sentimento amor e destino, deixando a leitura cada vez mais rica. A leitura é fluída e é aquele livro que te fisga desde a primeira frase e não queremos mais parar de ler.

Eu sempre o conheci e nós acabamos de nos conhecer.

Nicola Yoon aborda diversos assuntos, o que achei bastante interessante, contribuindo para os detalhes de cada personagem e para a história. Nicola fala sobre a imigração, o choque de culturas, relação pais e filhos, planos para o futuro dos filhos – que por maioria das vezes são diferentes do que os filhos querem – preconceito e mistura de etnias.

A química entre o casal vai surgindo e é impossível não amá-los. É impossível deixá-los. Natasha e Daniel se complementam a cada capítulo, nos convencendo de que eles foram mesmo feitos um para o outro, e que cada decisão e ação deles só firmaram que o caminho deles tinham que se cruzar.

A capa é linda, e é um trabalho da designer australiana Dominique Falla, que trabalha com tipografias táteis tridimensionais. A capa foi feita com a utilização de pregos e linhas coloridas, que faz parte de uma série feita somente com esses dois materiais. Confira aqui o trabalho de Dominique.

Recomendo esse livro, a leitura flui com muita facilidade, nos envolve desde o início e a história não demora nada a engatar. Esse é o primeiro livro da autora que leio, não sabia o que esperar, acabei sendo fisgada por essa história incomum e mal espero para conhecer o primeiro livro da Nicola, Tudo e Todas as Coisas, que será lançado nos cinemas no dia 15 de junho desse ano.

Thaisa Napolitano

Anúncios

14 thoughts on “Resenha: O Sol Também é Uma Estrela – Nicola Yoon”

  1. Adorei a resenha… Essas histórias de amores impossíveis e improváveis mexem com a gente… Quem nunca sonhou com algo assim? Fora o contexto e a parte cultural que o livro parece apresentar, amei a capa e o tipo do trabalho…. Shooow..

    Curtir

  2. Thaisa,
    Que resenha maravilhosa! Eu tenho esse livro no kindle e tenho muita vontade de começar a leitura, não sei se vai dar tempo esse ano, tenho uma série de leituras para concluir, mas fiquei muito curiosa com a história! Suas fotos estão lindas e a resenha muito boa! Abração!
    Drica.

    Curtir

  3. Natasha e Daniel os dois são bem diferente mais eles tem algo em comum o amor. Que história linda que o livro tem, gostei muito da suavidade da leitura. A capa é linda demais chama a atenção, fiquei apaixonada pelo, gostei muito da resenha parabéns, abraços.

    Curtir

  4. já havia visto uma resenha sobre esse livro em um blog, mas o seu esta bastante completo em relação o que eu vi, me chamou bastante atenção, parece ser uma historia bem gostosa de ler, achei interessante o fato da Natasha não acreditar no amor e acreditar na ciência e o menino Daniel ser um garoto que quer ser poeta que acredita no amor e em Deus, é do tipo de cara que eu gosto kkkkk Adorei a sua resenha de verdade…

    -Beijoss

    Curtir

  5. HAHHAHAHAA
    Adorei ler a sua resenha, Thaisa. Parabéns pela forma de como saber fazer uma pessoa se interessar pela leitura através disso aqui. Uma ferramenta importantíssima demais.
    Já conhecia o livro, mas dessa vez, irei incluir aqui na minha lista.
    Tudo de bom e sucesso. 😉

    Curtir

  6. Oi Thaisa! Só de ler a premissa desse livro fiquei com vontade de ler, adoro romance que envolve duas culturas. Fica mais interessante. Também dei uma olhada no trabalho da Dominique e eu sou uma apreciadora de artes e tudo o que ela fez é lindo!Adorei, bj!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s