Filme

Um Contratempo

Envolvente do início ao fim, com tom investigativo, cheio de detalhes e surpresas, o filme “Um Contratempo” vai te deixar de boca aberta!

049793.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

Adrian Doria é um homem de negócios, bem sucedido, inteligente e casado. Ao primeiro olhar parece tudo perfeito, porém Doria mantém um caso amoroso com sua amante fotógrafa Laura Vidal. Toda a trama do filme se inicia quando o mesmo acorda em um quarto de hotel totalmente desconhecido, sem saber como chegara lá, é surpreendido com a sua amante morta no chão do banheiro, rodeada de notas de dinheiro. Doria se encontra trancado e sozinho no quarto, quando policiais chegam e o apontam como criminoso.

A partir desse momento, Doria contrata uma famosa advogada para solucionar o caso, ambos tentam entender como o crime ocorreu,  buscam respostas para descobrir como o assassino conseguiu matar sua amante sem deixar rastros e com um grande detalhe: conseguindo trancar o quarto por dentro sem nenhuma possibilidade do mesmo sair pelas janelas.

051981.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx.jpg

É nesse contexto em que o filme vai caminhar para dúvidas intrigantes, com reviravoltas e uma história cheia de mistérios. O espectador é surpreendido a cada minuto, sendo praticamente impossível descobrir o desenrolar da história e seu chocante final. O roteiro escrito por Oriol Paulo é recheado de flashbacks, tornando tudo mais interessante, fazendo com que o espectador crie a todo instante milhares de teorias.

Para quem gosta de filmes de mistério, investigação, com assassinatos e uma história difícil de solucionar, é o filme ideal para assistir. Por mais que seja cheio de detalhes, não é um filme cansativo, a história é bem amarrada e sem enrolação. Filme perfeito para prender os nossos olhos na tela e para assistir com aquele amigo que sempre acha que sabe o final da história!

050262.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx.jpg

Trailer legendado abaixo (filme disponível na Netflix):

Elenco: Mario Casas (Adrián Doria); Bárbara Lennie (Laura Vidal); Ana Wagener (Virginia Goodman); José Coronado (Tomás Garrido); Francesc Orella (Félix Leiva); David Selvas (Bruno).

Direção: Oriol Paulo

Filme espanhol produzido em 2016

Imagens: Copyright Warner Bros Pictures España

Thatiana Napolitano

Anúncios
Filme

A Bruxa

bruxaposter3_02022016

Um filme que se passa em pleno século XVII na Nova Inglaterra, um contexto no qual a religiosidade é de extrema importância para a vida em sociedade, uma família inglesa acaba sendo banida da comunidade na qual viviam por serem acusados de heresia. William (Ralph Ineson) e Katherine (Kate Dickie) partem para o interior da região com a esperança de encontrarem terra para plantio e assim poderem reconstruir suas vidas do zero.

A família fica totalmente excluída da civilização em terra estranha. Os pais encontram grandes dificuldades ao terem que sustentar, em precárias condições, todos seus filhos: Thomasin, Caleb, um casal de gêmeos Mercy e Jonas e o bebê Samuel. É nesse sofrido e difícil cenário, rodeados por uma floresta nada acolhedora, que muitos acontecimentos estranhos e assustadores irão aos poucos abalar o núcleo familiar.

322794.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

“A Bruxa” não se trata de um filme de terror e suspense que a maioria das pessoas estão acostumadas a assistir. Não espere jumpscares e todo aquele clichê, pois o filme desconstrói a todo momento a fórmula esperada do gênero terror. Todo o pavor que permeia o filme se encontra na maneira em que a história é construída, e a mesma é apresentada aos poucos com cenas em cores frias, sem vida, bem lentas, trabalhadas em diálogos sugestivos que criam um forte clima de tensão. A trilha sonora também é um dos pontos mais altos do filme, é de arrepiar e a mesma insinua sensações perturbadoras a cada cena.

Todo o terror psicológico envolvido na narrativa ocorre através de um questionamento e crítica ao pensamento da época (e que curiosamente nos faz refletir sobre o nosso contexto atual). O filme levanta questões interessantes, de maneira inteligente, acerca do fanatismo religioso ao nos apresentar situações que mostram como a religião era de extrema importância para a família e como a mesma irá encarar o inesperado.

322461.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx.jpg

Mais do que um dos filmes de terror disponíveis, “A Bruxa” é um bom filme para quem gosta de refletir acerca das questões que são levantadas e prefere um terror menos óbvio, mais surpreendente. É preciso estar imerso para sentir a tensão proposta e se deixar envolver pelo terror psicológico. Com cenas fortes, impactantes, metafóricas e com um roteiro muito bem construído esse é um filmes do gênero que não dá pra deixar de assistir. Recomendo!

Trailer:

Imagens: Copyright Universal Pictures

Direção: Robert Eggers
Elenco: Anya Taylor-Joy (Thomasin); Ralph Ineson (William); Kate Dickie (Katherine); Harvey Scrimshaw (Caleb); Ellie Grainger (Mercy); Lucas Dawson (Jonas).

Thatiana Napolitano

Filme

CORRA! (É muito Black Mirror!)

ssss.jpg

A trama de “Corra!” (Get Out! – 2017), primeiro filme escrito e dirigido por Jordan Peele, conta a história de Chris (Daniel Kaluuya; quem assistiu “Black Mirror” lembrará do ator no episódio “Fifteen Million Merits”) um jovem negro que se encontra na tensa situação de conhecer a família de sua namorada caucasiana Rose (Allison Williams).  A princípio há uma nítida preocupação de Chris de como a família irá lidar ao saber do relacionamento da filha com um rapaz um negro, porém Rose o acalma ao dizer que vai ficar tudo bem e garante que não haverá problema algum.

Ao se deparar com a família da namorada, Chris vive situações extremamente desconfortáveis e constrangedoras. Entretanto, acredita que trata-se de um esforço (mesmo que falho) dos parentes de Rose em lidar com toda a inesperada situação. Porém, com o passar do tempo, Chris começa a desconfiar do comportamento da família e de todos que ali trabalham. O jovem sequer imagina o segredo perturbador que permeia aquele ambiente desconfortável.

54551_w840h525_1493147437corra-b.jpg

Muito mais do que um filme de suspense, “Corra!” traz consigo reflexões profundas acerca do racismo velado tão presente no cotidiano. Levanta questões importantíssimas que passam muitas vezes despercebidas por nós, um verdadeiro choque de realidade em um tom sagaz de crítica social. É um filme que nos deixa intrigados do início ao fim, curiosos a ponto de ficarmos inquietos na poltrona do cinema. Sua trilha sonora é incrivelmente perturbadora, se encaixa perfeitamente aos momentos de tensão do personagem principal e acompanha de forma certeira todas as emoções propostas em cada cena.

183332.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx.jpg

Todos os acontecimentos do filme são de cair o queixo, porém não significa que não há uma lógica. Mesmo cada acontecimento beirando ao absurdo, em momento algum o espectador questionará o seu sentido, cada detalhe é tão bem amarrado que nos convence a ponto de nos fazer mergulhar intensamente na história. Um filme de suspense, ficção, terror, com uma pitada de comédia (essa última parte fica responsável pelo comediante Lil Rel Howery que rouba a cena ao quebrar os momentos de tensão), “Corra!” é a escolha perfeita para um espectador que está a procura de um filme inteligente recheado de emoções e mistério com um final inesperado.

Link do trailer legendado disponível abaixo:

Corra! – Trailer Oficial (Universal Pictures) HD

12(4)

Imagens: Copyright Universal Pictures International France.

Elenco: Daniel Kaluuya (Chris Washington); Allison Williams (Rose Armitage); Catherine Keener (Missy Armitage); Bradley Whitford (Dean Armitage); Caleb Landry Jones (Jeremy Armitage); Lakeith Stanfield (Andrew Logan King); Stephen Root (Jim Hudson) e Lil Rel Howery (Rod Williams).

Thatiana Napolitano

Filme

Um Olhar do Paraíso

the-lovely-bones-the-lovely-bones-saoirse-ronan-saoirse-ronan-girl-actress-view-eyes-hat-the-field

Este é um dos filmes que mais marcou a minha vida, a ponto de arriscar ao dizer que se tornou um dos meus favoritos e indico sempre que posso. Sendo assim, nada mais justo compartilhar com vocês sobre ele aqui no blog e explicar o porque desse filme ser tão único e carregado de reflexões que não deveriam passar despercebidas.

Uma adaptação do livro de Alice Sebold e dirigido por Peter Jackson, Um Olhar Do Paraíso trata-se da linda e trágica história de Susie Salmon, uma adolescente de 14 anos que é brutalmente assassinada na volta da escola, no dia 6 de dezembro de 1973 em Norristown, Pensilvania. Susie tem uma vida normal com seus pais e sua irmã e, como toda adolescente, tem o sonho de beijar o menino da escola por quem está perdidamente apaixonada. Porém, esse e muitos outros sonhos são bruscamente interrompidos pelo seu assassino que sempre esteve mais próximo do que poderia imaginar, calculando friamente cada detalhe do crime.

eGhyMHE4MTI_o_questioning-george-harvey_insert-e1432937326673

As buscas pelo paradeiro de Susie começam assim que a família percebe a sua demora para chegar em casa  e entram em total desespero a fim de encontrar pistas pelo bairro. Seus pais, Jack e Abigail, demoram para aceitar o ocorrido, mesmo depois dos policiais encontrarem vestígios que indicariam a morte da menina.

Toda a história é contada pela própria Susie, que depois de todo o acontecimento, se encontra no “horizonte azul” que está entre os dois mundos, o céu e a terra. É neste local que a menina consegue ver todos que a amam sentirem a sua falta e a todo instante tenta tranquilizá-los de que está bem. Seu pai entre os membros da família era o mais próximo e também quem mais a preocupava.

Eu ainda estava com ele.
Eu não estava perdida.
Nem congelada ou morta.
Estava viva…
Viva no meu próprio mundo perfeito.

19245403.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

Todo o filme é conduzido pela emoção e pelo drama envolvendo todas as inúmeras possibilidades da vida de Susie, que se encontra no dilema entre seguir em frente, rumo ao paraíso, ou alimentar a sede de vingança com o desejo de justiça.

Um Olhar do Paraíso é de longe um filme bastante imaginativo, espiritual, que nos traz muitas reflexões do pós morte. É uma mistura de suspense, terror, drama e romance: torna-se um convite atraente para o espectador se envolver e imergir no mundo de Susie Salmon.

19245415.jpg-r_1280_720-f_jpg-q_x-xxyxx

O link do trailer está disponível abaixo: 

Um Olhar Do Paraíso Trailer Legendado

Elenco: Saoirse Ronan: Susie Salmon; Mark Wahlberg: Jack Salmon; Stanley Tucci: George Harvey; Rachel Weisz: Abigail Salmon; Susan Saradon: Avó da Susie; Rose Mclver: Lindsey Salmon; Reece Ritchie: Ray Singh e Michael Imperiolli: Len Fenerman.

Thatiana Napolitano